Palermo para foodies: 8 restaurantes super recomendados

Restaurantes imprescindíveis do maior polo gastronômico da cidade.

LEIA MAIS

Palermo para foodies: 8 restaurantes super recomendados

29 de Março

SHARE:

Restaurantes imprescindíveis do maior polo gastronômico da cidade.

Há uns seis mil restaurantes entre a cidade de Buenos Aires e seus arredores. Em torno de mil de todos eles se encontram em Palermo, um bairro tão grande, inabrangível e multifacetado, que é fácil se sentir constrangido. Em um setor, Palermo pode ser residencial e tranquilo, em outro, efervescente e cheio de bares, e em outro podem predominar os restaurantes de alta gama. Há muitos Palermos dentro de Palermo: Palermo Soho, Palermo Hollywood, Palermo Zoo e mais. Para que você não se perca dentro do maior bairro da cidade, a seguir apresentamos uma lista gastronômica de lugares imprescindíveis.



Não perca esta matéria! RESTAURANTES ARGENTINOS: OS 10 FANTÁSTICOS



1- Osaka: sushi e tiraditos

Soler, 5608

Foi o primeiro restaurante de Buenos Aires a especializar-se na cozinha nikkei. Isto é: a fusão da cozinha japonesa com a peruana, combinando a força e a variedade de seus ingredientes, sabores e preparações. Seu tiradito de salmão com molho de maracujá e de limão (Carpassion) se tornou famosíssimo, porém, não é o único: gostosos cebiches, rolls, makis e causas. Qualidade de alta gama e preços equivalentes.

Buenos Aires Palermo
Tiradito Carpassion


2- Tegui: cozinha argentina moderna

Costa Rica, 5852

Tegui é considerado o melhor restaurante da Argentina pelo ranking 50best de San Pellegrino. É chique, elegante, caro e, também, um lugar para experimentar e entender a cozinha argentina moderna. Pratos com ingredientes de temporada, em preparações criativas e apresentações de luxo, de uma perdiz de campo com milho, pimento amarelo e figos até um cordeiro cozido durante 24 horas com iogurte de tomilho, berinjela confeitada e tomilho queimado. É possível escolher do cardápio ou uma série de pratos-padrão.


3- Don Julio: churrascaria de alta gama

Guatemala, 4699

Em Don Julio é a carne que manda. Localizada em uma construção centenária que já foi cortiço, esta churrascaria ganhou sua fama entre os turistas e os lugareiros, servindo cortes de altíssima qualidade (só usam carne de vacas alimentadas com pasto e carne de novilho, o feed lot é uma má palavra aqui). Peça sem medo, que aqui tudo é gostoso e servido do jeito que você preferir: filé de costela, filé de costela com lombo ou matambre, acompanhados de impecáveis batatas fritas em diferentes estilos.


4- Burger joint: lanchonete trash

Jorge Luis Borges, 1766

O lugar para comer hambúrgueres em Palermo. Trashy, bacana, com paredes cheias de grafites, boa música e um público, em regra, com menos de 35 anos. Burger joint funciona com um sistema “self service” e muitas das mesas –há algumas dentro e outras na calçada– são comunitárias. Eles servem sete variedades de hambúrgueres, entre os quais recomendamos o Jamaiquino –com abacaxi, bacon e pepino–; o Bleu –com roquefort, cogumelos e cebola caramelizada– e, se quiser experimentar uma coisa mais autóctone, o Tevez (em homenagem ao aguerrido jogador de futebol argentino Carlos Tevez) que é servido com queijo provolone, pimentos e gostoso molho chimichurri.





5- Birkin: café para todos os dias

Republica Arabe Siria, 3061

Localizado em uma das zonas de Palermo que mais está crescendo –nas proximidades do zoológico– esta confeitaria, batizada em homenagem à bela Jane Birkin, é um grande refúgio para ir trabalhar com o computador. Caprichada, alegre e com um quê de ar nova-iorquino, ele se destaca por seus impecáveis espressos, lattes e capuccinos preparados a partir de um blend próprio que combina duas variedades de café colombiano.

Buenos Aires Palermo


6- Eterna Cadencia: livros e algo mais

Honduras, 5582

Em um antigo casarão de Palermo funciona, há dez anos, esta charmosa livraria. Estantes de madeira lotados até o teto, uma sala no fundo com poltronas e um terraço ideal para passar as tardes de verão. Além disso, há uma confeitaria-restaurante, que oferece pratos do dia e refeições rápidas com uma excelente relação preço-qualidade.

Buenos Aires Palermo


7- Oui Oui: um pequeno restaurante “deli” (de iguarias) para o café da tarde

Nicaragua, 6068

Se seu plano for tomar o café da tarde ou fazer um brunch, Oui Oui é um dos referentes, com seu estilo ingênuo, entre romântico e parisiense. Limonada, gostosos pães, torta de bolachas de chocolate e ovos à benedictina são algumas de suas especialidades, porém, há muito mais –dependendo do dia– promovido em cartazes ou apresentado sobre uma grande mesa de madeira.


8- Sarkis: um boteco árabe e barato

Thames, 1101

Este restaurante armênio é um dos mais populares da cidade. Por muito. Os clientes enchem a calçada o dia inteiro, portanto, é preciso ter muita paciência para conseguir uma mesa (no mínimo, quase sempre há uma hora de espera). Boteco barulhento, familiar e alegre, seu cardápio apresenta muitas tapas (petiscos espanhóis): pratinhos para compartilhar entre vários e ser feliz. Humus, tabule, falafel, jambra, pastéis abertos e, entre os principais: gostosíssimos mantí (raviólis abertos de estilo árabe) e carne de cordeiro assada ao ferro. De sobremesa, não perca a majestosa taça Sarkis.

Buenos Aires Palermo





SHARE:

TAMBÉM LHE SUGERIMOS QUE LEIA ESSES ARTIGOS:


O que está acontecendo em #buenosaires