Os cinco restaurantes mais antigos e históricos de Buenos Aires

Poucos restaurantes e confeitarias centenários ainda continuam funcionando

LEIA MAIS

Os cinco restaurantes mais antigos e históricos de Buenos Aires

23 de Novembro

SHARE:

Poucos restaurantes e confeitarias centenários ainda continuam funcionando

Parafraseando o tango de Carlos Gardel, poderíamos dizer que “100 anos não são nada”. Porém, isso não seria verdade. Por algum motivo é que tão poucos restaurantes e confeitarias centenários ainda continuam funcionando. De qualquer maneira, não nos desanimamos e saímos para explorar as ruas e os bairros, procurando a Buenos Aires gastronômica de outros tempos.


1- RABIETA

Cavalos, corridas, adrenalina. A pista de corrida de Buenos Aires merece uma visita por si só (veja nota à parte), é um dos passeios mais divertidos e locais da cidade. Além disso, dentro dos terrenos de Palermo, você encontrará uma jóia arquitetônica com mais de 100 anos de idade, a antiga confeitaria Paris, hoje transformada na cervejaria artesanal Rabieta. Construída em 1912 sob a ascensão do neoclassicismo, mantém seu espírito francês (foi remodelado por seu centenário). A barra do foyer principal abriga 20 torneiras de sua própria cerveja e cervejeiros locais e convida você a acompanhá-los com hambúrgueres, pizzas e lanches, entre outros pratos simples, mas deliciosos.

INFO: Libertador, 4101, Palermo

Image title


2- El Federal

“Desde 1864”, conforme o cartaz de El Federal anuncia, talvez o bar mais tradicional e procurado de San Telmo, sempre cheio de turistas. Quando as ruas de Buenos Aires ainda eram de terra, ele foi pulpería (uma espécie de mercearia típica da região até o século XIX, em que os moradores também se encontravam para beber, jogar cartas, entre outras coisas), depois foi loja de armarinhos e, finalmente, bar (em 2001 foi nomeado “bar notável”). Sua especialidade é o sanduíche, em especial o de peru, que é servido com diferentes tipos de pão e em escabeche. Uma dica líquida: eles têm sua própria cerveja artesanal, loira, ruiva ou morena.

INFO: Peru e Carlos Calvo, San Telmo




3- El Imparcial

Os historiadores concordam em que se trata do restaurante –ainda em funcionamento – mais velho de Buenos Aires e que foi o primeiro a contar com banheiros em suas instalações (uma novidade no século XIX). Ele se localiza a metros da Avenida de Mayo e alguns de seus garçons têm mais de 40 anos de serviço. A comida? De estirpe espanhola. Muito peixe e marisco, paella à valenciana, polvo ou lula ao alho.

INFO: Hipólito Yrigoyen, 1201, Centro


4- El Globo

Localizado justo na frente do El Imparcial, é outro dos restaurantes centenários de Buenos Aires (antigamente foi a casa da família aristocrática Sánchez de Bustamante). Ele é famoso por seus pucheros, um cozido típico da região do Rio da Prata, que costuma ter carne, caracu, frango, verduras e legumes e que é compartilhado por vários comensais. Também são recomendáveis seu leitão ao forno e seus mariscos à caçarola. De sobremesa, as panquecas com doce de leite são imperdíveis! Espírito de boteco portenho cento por cento!

INFO: Hipólito Yrigoyen, 1199, Centro




5- O Grill do Hotel Plaza

Ele fez 100 anos em 2009 e se mantém quase inalterável desde que foi inaugurado. Cerâmicas holandesas, lareira estilo Tudor, leques bordeaux de Paquistão (que, antigamente conectados com um sistema de barras de gelo eran usados como ar condicionado). Na época foi um restaurante só para homens de classe alta, porém, hoje o público é mais diverso. O cardápio continua fiel a si mesmo, crioulo e francês: pato à prensa, ovos Po Parisky (os favoritos de Perón), filê mignon Eduardo VII e codorna em escabeche, entre outras delícias da Belle-Epoque.

INFO: Florida, 1005, Retiro


6- El palacio español

Ele é lindo a começar por sua fachada, um imponente frente ornamentado sobre a Rua Bernardo de Irigoyen. Dentro dele se esconde um dos primeiros clubes espanhóis da cidade (inaugurado em 1911), de tetos altíssimos e enfeitado com tapetes e esculturas. Entre seus comensais ilustres estiveram os reis da Espanha. É o lugar para comer pratos típicos, como o leitão de Segovia, a paella ou o creme catalão.

INFO: Bernardo de Irigoyen, 180, Centro


BY CECILIA BOULLOSA

SHARE:

TAMBÉM LHE SUGERIMOS QUE LEIA ESSES ARTIGOS:


O que está acontecendo em #buenosaires